Juros: pagar ou recebê-los?

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

JurosPagar ou receber juros?

Outro dia li essa frase e achei interessante comentar aqui. São inúmeras as vezes que pensamos em comprar uma casa própria, um carro novo ou qualquer outra coisa que custe bem mais do que estamos habituados a gastar.

O que geralmente fazemos? Procuramos um financiamento e, pronto! Conseguimos “comprar” a casa própria ou o carro por mais x anos e tudo estará resolvido!!

Mas muitas vezes o valor que pagamos vem com uma quantidade de juros enorme e nem percebemos. Simplesmente porque “a parcela cabe no nosso bolso”. E mais uma vez, mais uma brecha para onde o nosso dinheiro sai sem nem percebemos!

Pois bem, o que seria interessante de pensar?

Vamos ver o caso da casa própria:

Se você é capaz de guardar uma quantia durante o mês para o pagamento do financiamento da casa própria, já tirando o aluguel que você paga atualmente, para que pagar juros a alguém (no caso, um banco ou financeira) sendo que você pode depositar, mensalmente, essa mesma quantia em um fundo ou aplicação (de renda fixa mesmo) que te pague juros? Ou seja, o que sobra de dinheiro mensalmente, antes de você sair por aí procurando algum imóvel para comprar, dê um pouco de tempo para juntar dinheiro. De repente, a sua situação financeira melhora ou consegue alguma oferta melhor…

Ok, sei que tem gente que precisa comprar a casa própria o mais rápido possível. Mas e quando dá pra esperar mais um pouquinho? Já parou pra pensar que essa quantia acumulada antes de entrar em qualquer financiamento pode te ajudar a conseguir um financiamento melhor (taxas de juros menores, valor total menor, prazos mais flexíveis, etc)?

No final, o mais interessante de perceber nessa mensagem é: já que você é capaz de guardar uma parcela todo mês para um suposto financiamento, por que não aplicá-la numa renda fixa e receber juros? Certamente a casa própria estará mais perto do que você imagina, e de forma menos sacrificante!!

O investimento em títulos do governo, via Tesouro Direto, é uma boa forma de acumular e receber esses juros ao longo do tempo!
Alguma experiência relacionada a situações assim? Compartilhe conosco!

Forte abraço,
😉